Você vai deixar o DEM acabar com o ProUni?

Alguns leitores ainda não sabem. Outros tem dúvidas. E muitos querem saber mais sobre o caso ProUni, DEM e Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino particular.O caso é o seguinte: O DEM (ex-PFL) se juntou a Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino particular, e resolveram bater às portas do Supremo Tribunal Federal, sustentando a inconstitucionalidade dos atos que criaram o ProUni.
Levaram para a Corte a discussão da legalidade de ações afirmativas baseadas em critérios de renda e de raça para o acesso ao ensino superior. Na semana passada, tomaram a primeira pancada, pelo voto do ministro-relator Carlos Ayres Britto.
Em seu voto, Ayres Britto rechaçou um a um os argumentos contra o ProUni. A Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino (Confenem), os Democratas (PFL/DEM) e a Federação Nacional dos Auditores Fiscais da Previdência Social (Fenafisp) alegam que o programa criou uma discriminação entre os cidadãos brasileiros, ofendendo os princípios constitucionais da isonomia e da igualdade.
Britto julgou improcedente o pedido, do DEM, e disse: “a verdadeira igualdade consiste em tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais”, Ayres Britto lembrou que a lei beneficia estudantes com carência patrimonial e de renda, uma faixa da população que tem sido alvo de ciclos repetitivos de desigualdades. “A `desigualação´ em favor dos estudantes que cursaram o ensino médio em escolas públicas e os egressos de escolas privadas que hajam sido contemplados com bolsa integral não ofende a Constituição pátria, porquanto se trata de um discrímen que acompanha a toada de compensação de uma anterior e factual inferioridade [patrimonial e de renda]”, concluiu.
O julgamento foi interrompido pelo ministro Joaquim Barbosa, que pediu vista do processo (Leia aqui no STF)
Dito isso, você já sabe que o DEM quer acabar com o ProUni. Simples assim. Então, vamos a parte que interessa a você que tem filhos, parentes, amigos… ou mesmo, que quer dar uma oportunidade para milhões de jovens terem acesso a universidade.
Na próxima semana, o STF vai votar se é improcedente ou não, o pedido, do DEM.
Se for julgado procedente, você já sabe. Nunca mais um pobre vai cursar faculdade.
E é isso, que o DEM e PSDB querem. Para a oposição, povo ignorante é mais fácil de ser manipulado, é mais fácil para a trocar votos com cesta básica, vale transporte, dentadura e outras quinquilharias.
Se você quer que o ProUni e as cotas para estudantes negros continuem ajudando milhões de jovens carentes, escreva e-mails para os ministros do STF que vão julgar o caso, sugerindo decisão favorável ao caso. No email, resuma de forma simples e educada (sem fazer criticas a oposição), como você vê o programa ProUni. Cite casos de jovens, amigos parentes ou seus filhos que tiveram acesso a Universidade através desse programa criado pelo Presidente Lula. Não deixe o ProUni acabar. Os jovens brasileiros agradecem a sua colaboraçãoOs endereços e e-mails dos ministros do STF:
Carlos Ayres BrittoTel: (61) 3217-4311 Fax: (61) 3217-4339 E-mail: gabicarlosbritto@stf.gov.br
GABINETE MINISTRO GILMAR MENDES (Presidente) e-mail: mgilmar@stf.gov.brFax: (61)32174189 GABINETE MINISTRO CELSO DE MELLO e-mail: mcelso@stf.gov.br Fax: (61) 32174099
GABINETE MINISTRO MARCO AURÉLIO e-mail: marcoaurelio@stf.gov.br Fax: (61) 32174309
GABINETE MINISTRO CEZAR PELUSO e-mail: mluciam@stf.gov.br Fax: (61) 32174219
GABINETE MINISTRO CARLOS BRITTO e-mail: gcarlosbritto@stf.gov.br Fax: (61) 32174339
GABINETE MINISTRO JOAQUIM BARBOSA e-mail: gabminjoaquim@stf.gov.br Fax: (61) 32174159 GABINETE MINISTRO EROS GRAU e-mail: gaberosgrau@stf.gov.br Fax: (61) 32174399
GABINETE MINISTRO RICARDO LEWANDOWSKI e-mail: gabinete-lewandowski@stf.gov.br Fax: (61) 32174279
GABINETE MINISTRA CÁRMEN LÚCIA e-mail: anavt@stf.gov.br Fax: 61-32174355 / 32174369
GABINETE MINISTRO MENEZES DIREITO e-mail: alexandrew@stf.gov.br Fax: (61) 32174129
Este blog atendeu o pedido de Helena Sthanowitz, do blog Os Amigos do Presidente Lula
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s