Terminou o fuso horário de verão

Terminou à meia-noite de ontem (14/02/2009) o horário de verão, que segundo o Ministério de Minas e Energia, possibilitou economia de R$ 4 bilhões.
Em vigor desde 19 de outubro do ano passado, o horário de verão terminou à meia-noite de ontem, quando os relógios foram atrasados uma hora.
A medida vigorou nos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.
Segundo o Ministério de Minas e Energia, a adoção do horário de verão possibilitou a redução de 4% na demanda por energia no horário de maior consumo – chamado horário de “pico”, que em geral ocorre entre 18h e 21h.
Essa redução significa que as usinas deixaram de gerar cerca de 2.000 MW (megawatts) – ou 65% da demanda do Rio de Janeiro ou 85% da demanda de Curitiba. No anúncio do resultado, o ministro Edison Lobão (Minas e Energia), disse que, se o país quisesse construir uma usina hidrelétrica para suprir esses 2.000 MW economizados, seria necessário R$ 4 bilhões.
O horário de verão não é adotado nas regiões Norte e Nordeste devido à proximidade com a linha do Equador – quanto mais próxima a região, menor é a variação do período de luminosidade dos dias ao longo do ano.
Advertisements
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s