Pior Câmara de Montes Claros virou rinha de galo

A Câmara de Montes Claros mostrou ser a pior de todos os tempos. Ontem, terça-feira 28, o vereador Ildeu Maia – PP, líder do prefeito, lembrou dos velhos tempos das surras de cipó de fedegoso e “currião” e chamou um manifestante da plateia para brigar “lá fora”.
O agitado vereador se referia ao líder comunitário Valdeir Soares, do Bairro Major Prates, que, juntamente com o também eleitor Eurico de Oliveira, questionava o líder do prefeito sobre o até hoje não explicado aumento abusivo de quase 23% nas tarifas de lotação.
Foi preciso a intervenção do presidente da câmara, Athos Mameluque – PMDB, para que os manifestantes abandonassem a assistência, não se verificando a desforra proposta por Ildeu.
No outro extremo da agressão verbal e se valendo da sabedoria divina, o vereador Pastor Altemar – PTC também fugiu do lugar comum. Descreveu uma parábola em torno da ressurreição de Lázaro para lembrar que, já naquela época, Cristo advertia que os olhos dos pecadores devem ser desatados de qualquer atadura, para que não se engane o povo. Essa enganação, partindo de secretários ressuscitados da política montes-clarenses, segundo Altemar, estaria criando dificuldades aos vereadores, ao encaminhar-lhes inúmeros candidatos a empregos inexistentes. Os pedidos de assessores do prefeito Tadeu Leite – e até “de um porteiro da prefeitura” – são tantos, que o pastor avisa: – Eu não sou agência de empregos…
Fonte: O Norte
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s