Aécio discrimina as regiões mais pobres de Minas

O relatório da audiência de monitoramento do PPAG – Plano Plurianual de Ação Governamental, apresentado pelas comissões de Participação Popular e de Fiscalização Financeira e Orçamentária na quinta, 16/7, revelou que a execução financeira de 361 ações, pelo governo Aécio, foi zero em 51,2% delas. As ações integram os programas estruturadores do PPAG em 11 áreas de resultados e a inexistência de investimento foi justamente nos programas sociais e de desenvolvimento regional.
Jequitinhonha e norte mais afetados
Os exemplos mais afetados são as áreas de resultados Desenvolvimento do Norte de Minas, Jequitinhonha/Mucuri e Rio Doce, em que 70,6% das ações não tiveram nenhuma execução financeira; Rede de Cidades e Serviços e Redução da Pobreza e Inclusão Produtiva, em que não existe execução em 61,7% e em 65,8% das ações de seus programas, respectivamente.
Clique aqui e continue lendo…
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s