O preconceito de Boris Casoy

Esse é o Boris: Em 1968, em reportagem sobre líderes estudantis, a revista O Cruzeiro acusou-o de ter participado do grupo CCC (Comando de Caça aos Comunistas), que combatia comunistas durante as décadas de 1960 e 1970. Aqui na Wikipédia
Foi uma vergonha para o grande moralista Boris Casoy. Ele foi flagrado em seu preconceito em um canal aberto de tv, em rede nacional e em horário nobre, de forma claramente depreciativa e preconceituosa ofendeu a honra e a dignidade não só dos dois lixeiros, mas de todos os lixeiros brasileiros, ou, na melhor das hipóteses ( para a Band ) todos os lixeiros que se encontravam na Praia de Capacabana e também do Rio de Janeiro.Veja AQUI  o que ele disse no Jornal da Band , “Que merda! Dois lixeiros desejando felicidades… do alto da suas vassouras. O mais baixo na escala do trabalho…”
Ministro diz que municípios têm como pagar piso dos professores
O ministro da Educação, Fernando Haddad, disse ter convicção de que estados e municípios têm condições de pagar o piso salarial dos professores, no valor de R$ 1.024,67, conforme interpretação da Advocacia-Geral da União (AGU). O reajuste do piso passou a vigorar desde o dia 1º de janeiro de 2010 e corresponde a uma jornada semanal de 40 horas..

O primeiro ano do desgoverno de Tadeu merece uma sapatada

O primeiro ano da administração Tadeu Leite merece ser comemorados com uma sapatada, do tipo daquela que o jornalista iraquiano Muntazer al-Zaidi lançou contra o ex-presidente George W. Bush. Aliás, teria que ser melhor já que Muntazer al-Zaidi errou o alvo. São mais 365 dias de arrogância, prepotência, de absoluta falta de compromisso com o povo e com a verdade.

Continue lendo…

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

10 respostas a O preconceito de Boris Casoy

  1. Anonymous diz:

    Queria falar que aqui em Manga, o prefeito Quinquinha tambem fez em 2008 uma obra eleitoreira de pavimentação asfaltica, que custou mais de 1 milhão e na primeira chuva se foi parte do asfalto que quando passou as eleições parou as obras e ate hoje não foi concluido o asfalto. Que foi feito pelas metades pela empresa PAVISAN

  2. Anonymous diz:

    Eh, o povo tinha esquecido do PTQ (Padrão Tadeu de Qualidade). As pouquíssimas obras (com recursos de Athos) feitas nesse primeiro ano já estão se esfacelelando:drenagens no ibituruna, jardim Palmeiras, Panorama, Solideraiedade. O canteiro do Vileforte parece mais uma cobra de tão desalinhado que tá. O tapa-buraco nem vai ser feito mais, como falou o adjunto de obras, que num entende nada de nada. A saúde não tem medicamento e muito menos pessoal. A merenda, apesar de cara, é de péssima qualidade. O lixo passa só no centro-sul. Nos bairros está cheio de lixão. As construções ilegais tá tudo de vento em polpa. O transito já parou há muito tempo. As casas e apartamentos conseguidos no governo passado estão em ritimo de tartaruga. As invasões já começaram. Daqui a pouco tá cheio de lona preta. O centro já tem umas mil barracas.E o pau tá quebrando entre os assessores. Literalmente. Podia ficar aqui escrevendo o mês de janeiro inteiro, mas tenho que trabalhar pra pagar o IPTU mais caro do Brasil, com aumento de 40%. Essa é uma pequena amostra do PTQ.

  3. Anonymous diz:

    Boris casoy é um racista pelo fato de discrimar os garis, relebrando ao picareta (Casoy) que os garis são pessoas trabalhadoras que cuidam das nossas cidades. Boris Casoy deve fechar sua boca de lixo para não sujar ele proprio, que só fala besteira, para mim os verdadeiros lixeiros no Brasil, são os apresentadores de TV, que ficam mamando em tetas para detonar o povo, "isso é uma putaria". Não assistam mais jornal da Band.

  4. Anonymous diz:

    Viche, até parece que "FU" deu, porque "TÁ" deu fez escola. Preocupa não miguim, aqui em moccity tem dessas coisas também, só que o marketing é maior, aqui é o unico lugar do mundo que sabão é asfalto, o ginásio "Poli" tico esportivo só é usado de 12 em 12 anos, e ainda pagam pra agente ou seria ´gente´, assitir tudo de camarote… Cá aos montes. Um forte abraço'ZE LEZIM' o roedor de pequiPS.: O Gusmão tem jeito de sair na sua "co" lunga não veio.

  5. Anonymous diz:

    Se a administração municipal fosse tão eficiente quanto foi na tarde de ontem, quando veio aqui no Bairro Jardim Brasil, acompanhada daquela figura mais uns guardas municipais e derrubaram o muro de um pobre coitado, com certeza aquele shoping popular no Major Prates, contruído no terreno público e invadindo o passeio não estaria quase pronto. Ou aquela construção na esquina da rua Pedro segundo e São Francisco, debaixo de um hotel, que também tá ilegal não tinha acabado. Tudo tava embargado na justiça, mas a Prefé deixou terminar. Mas o veizinho do Bairro que teve o pedaço de muro derrubado não deve ter ajudado na campanha e porisso não indicou o secretário desplanejamento liberou geral. Toma distraído.

  6. Anonymous diz:

    Por que que eles não derrubam as construções ilegais que o Sr Wilson Cunha com seus laranjas estão fazendo de maneira arbitrária.Ah esqueci!!! é que ele pagou muito na campanha de Tadeu… aí os fiscais tem que fazer vista grossa…

  7. Luis Carlos,Dois breves comentários sobre notícias recentes, embora não tenham vinculação com seus posts mais recentes:1) Lulismo X VanucchiPelo andar da carroagem, Paulo Vanucchi, ministro dos Direitos Humanos, está em rota de colisão com o lulismo (não necessariamente com Lula). Depois da trombada com Nelson Jobim a respeito da Comissão da Verdade, agora compra briga novamente com Jobim, que se soma ao ministro Reinhold Stephanes (Agricultura). Trata-se do Programa Nacional de Direitos Humanos que repete em muito o programa da área de FHC, em 2002. Mas esta coincidência não tem nenhuma importância, já que a questão central é a frigideira em fogo alto. O problema de Vanucchi é que, desta vez, Franklin Martins (Comunicação Social do governo), companheiro de resistência à ditadura, pediu para seu nome não constar ao final do texto oficial deste programa. Alguns bispos católicos também criticaram o que interpretam como censura religiosa contida no Programa. Aí, temos dois problemas. Um, para Vanucchi, que vai se desgastando politicamente no governo de coalizão, algo que o lulismo odeia. Outro, para Lula, que se demitir o ministro fará dele um mártir à esquerda.Minha aposta: se as críticas não assumirem proporção de tsunami, Lula deixará o tema esfriar e tomará sua decisão mais adiante. Se demitir Vanucchi, contudo, não ficará nem chateado. Na leitura das pesquisas de opinião, o lulismo não vive de apoios à esquerda. Mergulhou de cabeça na cultura mais que popular do Brasil. Este brasileiro é conservador e desconfia da esquerda (quer, segundo o texto mais que citado neste blog, um protetor que não rompa com a ordem). 2) O lulismo é o pai dos mais pobresO texto de André Singer (publicado na revista Novos Estudos CEBRAP e que está sendo muito comentado na internet) é mais relevante que as notícias veiculadas na grande imprensa dão a entender. A partir do cruzamento de várias pesquisas de intenção de voto (desde 89) percebe-se que Lula foi se deslocando da aceitação das classes médias e mais instruídas para as camadas mais pobres (até 2 salários mínimos mensais de renda). O ápice deste deslocamento ocorreu em 2006. Os dados apresentados são consistentes. Este é o fundamento para Singer sugerir que o lulismo é bonapartista, justamente porque os muito pobres (lumpensinato, no jargão marxista) não se organizam enquanto classe ou grupo social, historicamente dependentes de um pai ou guia político.A tese sobre o bonapartismo, confesso, parece-me algo forçado. Não que o lulismo não seja identificado como um pai protetor. A questão é que estes mais pobres estão em franca ascensão social. Neste caso, o conceito de bonapartismo ficaria incompleto já que a tendência seria da organização dos novos membros da classe média baixa. De qualquer maneira, os dados analisados por Singer revelam a pujança do lulismo e, ainda mais, o forte impacto que estaria criando no mercado de consumo de massas e até mesmo na sobrevivência dos velhos formadores de opinião (lidos e ouvidos pela velha classe média).

  8. Anonymous diz:

    Oche minha gente!!! Salve salve minha terrinha dos moccity ochente. Num um balde de colírio vai fazer o povin do aço municipial enxergar essa. Gente O caiau de laska de pau que tá no zoim do prefeitim é pra 'Cunha'do ninhum botá defeito. Para gente de botá defeito no prefeitim. Tros dia um lesado quase morimbundo, apelidado de 'Peida Pinga', me explicou o causo: -Moss o shopping do major é do will. eu perguntei:-Ué. Mas quem é esse will? é o Cunha?-Não moss will é willian em inglés. É de Willinha funcionário do Cunha.PUT. Q. P…… Só podia ser da turminha do prefeitim analfa inventar essa Sô.- Oh! lesado, é Bill, é Bill.E tem mais o MP não fala nada pq… Ei olha a carne do churrrasco queimando! êta!! construção Pai d'égua!"ZE LEZIM" O roedor de pequi.

  9. Anonymous diz:

    E para completar…… o laranjinha dele Dalminho continua na saúde.kkkk… já intenderam pruqqque os remédio sumiram tudim?o dinheiro caiu no bolso de alguém…e será de quem????????

  10. Anonymous diz:

    Oche. tá ca Gota pra doer. Por isso a catarrenta lá de casa não consegue remedim? viche! Êeeeeta povim pai d'ègua.'ZE LEZIM' O roedor de pequi.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s