Ministério Público Federal denuncia nove por fraude contra Correios

O Ministério Público Federal (MPF) em Bauru ajuizou Ação de Improbidade Administrativa, com pedido de Condenação por danos morais causados aos Correios, contra nove pessoas. De acordo com a denúncia, a fraude foi descoberta durante uma Operação Déjà Vu, da Polícia Federal.
Oito dos nove acusados por Improbidade já estão respondendo ação movida pelo Ministério Público de Sorocaba. Dos quatro funcionários dos Correios, três já estão afastados de suas Funções um e já foi demitido.
Segundo o MPF, uma parte maior dos Atos de Improbidade ocorreram em Bauru, onde fica uma Diretoria Regional dos Correios São Paulo-Interior, e eram lotados onde três dos quatro acusados. A operação também investiga uma migração ilegal de postagens de maiores Agências dos Correios para as Agências de Correio Franqueadas (ACF).
O MPF obteve que o alvo da ação de Improbidade é o esquema de compra de compra de ACFs. O dono de quatro Agências franqueadas e extorquiam um cúmplice ACFs os donos das, dizendo a eles que sabia de procedimentos administrativos instaurados para apurar irregularidades nessas Agências e que o pedido de descredenciamento da agência já estaria com o diretor da Empresa de Correios e Telégrafos, responsável por credenciar ou descredenciá-las.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s